segunda-feira, 20 de abril de 2009

:::Destino Sob Júri:::

Fonte: voarnopensamento.blogspot.com

.ok. quando há explicação, há certo contentamento.

.ultimamente, deixei um pouco os assuntos diversos de lado e acabei focando naqueles muito pessoais. talvez refletindo o momento de revoluções internas e incessantes que acontecem na minha cabeça.

.e para falar a verdade, a alvo sempre envolve achar respostas para as questões que me perseguem e apavoram há um longo tempo. e como sempre, as interrogações multiplicam-se a cada segundo enquanto os pontos finais escondem-se pelos cantos obscuros da vida.

.noto que se conseguimos decifrar alguns enigmas, para o bem ou para o mal, gera-se um certo alívio momentâneo (porque os ciclos continuam). é mais fácil acreditar se há quem preencha as lacunas de quem, o que, onde, porque. é mais simples aceitar quando separamos culpados e inocentes. é mais objetivo lutar quando identifica-se o inimigo.

.e quando não há explicação? simplesmente porque não há mesmo. sem teorias ou verdades. inexplicáveis explicações. essas nossas nuvens são as responsáveis pelas batalhas perdidas, vítimas inocentes, dores crônicas? onde reside o conforto de um acontecimento grave sem agentes, justificativas? é destino? quem acredita em destino? carma? ação e reação? aqui se faz, aqui se paga? ou todas as coisas são o que são, sem motivo ou razão?

.abraço.

6 comentários:

Latinha disse...

Olha, eu posso afirmar que lido muito mal com coisas que não sei explicar ou que não entendo...

São questões complexas, mas acho que tudo passa por aprendermos a levantar e reagir apesar de tudo. Ou então... a termos paciência para podermos "no tempo", chegar as respostas.

Mas é complicado!

Abraço para você!!!

Autor disse...

Você anda contemplativo, né?
Acho isso tão válido.
Eu já desisti de pensar, pois, como diz meu namorado, pensar enlouquece, hehehe

Dimas disse...

Agora eu entendi porque sempre vem um monte de perguntas ao final dos posts...rs
Abraço

Arsênico disse...

eu prefiro me calar... e aceitar tudo oque a vida me impõe... cansei-me de procurar respostas que não me trarão soluções...

***

O Pequeno Diabo disse...

menino, eu jah tinha reparado!

vc termina tds os posts cm perguntas... ótimas por sinal

eu quetiono mt tb
mas soh por questionar pq nunk chego a resposta alguma!

xx

Fernando disse...

Gostei da primeira frase do post, "quando há explicação, há certo contentamento". Mas, como eterno insatisfeito, hoje em dia prefiro pegar os limões que me atiram e fazer uma bela caipirinha, pq limonada já não resolve, hahahahahaha! Bjos.