sábado, 28 de fevereiro de 2009

::::Discípulo do Ally McBealismo::::

Fonte: dvd.net.au

.ok. eu sou um eterno idealista. e adoro Ally McBeal...

"Acho que preciso acreditar que funciona. Amor, relacionamentos, parcerias. A ideia de que quando duas pessoas se unem, permanecem juntas. Tenho que levar isso comigo para cama toda noite, mesmo se estarei lá sozinha. Isso é Ally McBealismo." - Ally McBeal -

.apesar de todos os desastres, as brigas, os mau-entendidos, a solteirice forçada. apesar de soar pessimista muitas vezes. apesar de agir de forma contraditória. apesar de negar uma vida de sentimentalismos e romances de conto de fadas. apesar de temer a imprevisibilidade de tudo...

.eu continuo a acreditar que um dia as coisas se acertam...

.abraço.


UPDATE: dá uma passada lá no blog Out & About e assista um curta mais do que poético-romântico-idealista-fofo. tem tudo a ver com a idéia do post. parabéns pelo achado Dimas e muito obrigado por compartilhar!

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

:::Sobre Sociedade, Sacramentos e Sexualidade::::

Fonte: agoodhusband.net

.ok. sexo vende. e muito.

.artigo do caderno Mundo da Folha de S.Paulo (disponível apenas para assinantes do jornal e UOL) apresenta uma das novas opções para cônjuges infiéis: o site The Ashley Madison Agency. lá é possível cadastrar seu perfil e procurar candidatos(as) a viver um affair. inúmeros visitantes. incontáveis os que protestam. o proprietário defende os serviços apontando como uma saída para preservação dos matrimônios.

.bom, tentando evitar julgamentos e condenações (bem complicado isso), o que eu me indago: até que ponto é válido buscar saídas para preservar uma união insatisfatória? (não duvido quão influente a sociedade ainda é sobre essas decisões).

.nunca me casei. nem pretendo. não sou família. talvez jamais serei. por isso, minha opinião englobe apenas uma vivência teórica, moralista, careta, hipócrita até (porque eu já estive no lado escuro da estória).

.minha intenção é não trair. mas meu medo é: será que estou a prova de tudo?

.abraço.

::::Enquanto Uns Descansam Em Paz::::

Fonte: heavymetaluniverse.bloguedemusica.com

.ok. meu carnaval foi morno.

.sem bebedeira. sem farra. sem festa. incrível como os planos falham...

.enfim. mas algumas coisas aconteceram. uma delas foi encontrar um possível candidato.

.conheci em um bate-papo (sim, fazer o que, se é isso que me sobra em noites solitárias?), conversamos e muito. sem assunto de sexo. parecia promissor. até que nessa imensidão de assuntos a tratar, surge o inesperado: ele é viúvo. é. seu "marido" falecera UM MÊS e MEIO atrás! daí, fiquei incrivelmente confuso, afinal, ele nem esperou direito o defunto esfriar. porém, ele mencionou que seu parceiro pedira para não parar de viver com sua iminente morte. e ele seguiu o conselho...

.no dia seguinte, encontro o mesmo cara, com o mesmo nick, caçando sexo na sala. (tá, confesso, eu fui lá investigar. afinal, eu sou desconfiado, paranóico e inseguro).

.agora, se já não bastasse o assunto viuvez, mais essa. o que se passa na cabeça dele? será que ele estava com papo só pra me levar para cama? ele está liberando geral depois de oito anos de casamento? será que vale a pena entrar em outro campo minado?

.desapareci do MSN até saber o que falar e como reagir a isso.

.o que eu faço?

.abraço.

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

:::A Questão Bi::::

Fonte: e-jovem.com

.ok. eu ainda tenho meus dilemas sobre bissexualidade.

.a questão não é acreditar se é real ou não, mas sim compreender como funciona o processo. e sei que para isso ocorrer ou é necessário ser o próprio ou então ter uma longa conversa com ele. e nenhuma das duas opções ocorreram para essa pessoa que aqui escreve.

.confesso que um tempo atrás minha opinião pendia para deduções rasas e tolas, como aquela que indica que todo bi é um gay que não assume (vamos dizer que existem sim casos do tipo, mas não é a regra comum). e depois de alguns anos, e um pouco mais de maturidade, minhas dúvidas agora envolvem mais o know-how.

.será que os bis são pessoas mais abertas/resolvidas com sua sexualidade? será a pansexualidade o caminho do futuro? abrir o leque de opções tornam as coisas mais fáceis ou complicadas? um namoro com um bi é mais turbulento? em caso de duas opções válidas, para qual lado o coração pende?

.é. preciso de uma longa conversa com alguém bi....quem se oferece?

.abraços.

.obs. como é semana de carnaval, voltarei a postar somente na quarta. aproveitem o feriado, na farra ou no descanso. e nos encontramos semana que vem (dispostos, com ressaca, relembrando namoros, renovados.etc....).

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

::::Simples Atos, Grandes Resultados::::

Fonte: mainretail.com.br

.ok. gentileza é estratégia mais do que manjada para vendas.

.achei muito interessante o post da Camila Yahn sobre um artigo do New York Times que envolve a mudança nas grandes lojas de marcas famosas. apesar de sempre presumir que a ordem dessas casas seja o esnobismo para o consumidor comum (leia-se sem marcas, acessórios caros ou labels), li nesses dois artigos uma boa surpresa: as coisas não são bem assim. o jornalista da publicação americana, apesar de vestes simples, recebeu atenção na maioria das visitas (Chanel, Ungaro, Ralph Lauren, Prada). a única exceção foi na Gucci.

.independente se é um ajuste ao tempos de crise ou se é uma política implantada há anos (e desfigurada pelas más estórias), o que me pergunto é: como algumas conseguem sobreviver na base da seleção superficial?

.já tive experiências péssimas nesse assunto. e nem eram marcas de luxo. nem preciso dizer que boicoto mesmo. e passo a informação para frente. não exijo que beijem meus pés só por consumir alguma coisa, mas acho que não é nenhum sacrifício um "bom dia" ou "precisa de ajuda?".

.e para ver como pequenos detalhes ajudam. eu sou fiel a muitas marcas, lojas, só pelo atendimento diferenciado (e as indico para todo mundo, até desconhecidos). tem umas em que comecei gastando um, dois reais. e mesmo depois de alcançar compras de valores bem maiores, o tratamento é sempre o mesmo. ótimo, gentil, atencioso.

.é uma troca justa não?

.abraço.

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

:::Observando Fórmulas Certas:::


Fonte: YouTube.

.ok. amizades são adoráveis elos imprevisíveis.

.comecei a pensar sobre isso lendo a entrevista com o ator Andy Samberg na revista Out sobre, entre outros assuntos, o filme "Eu te amo, cara" (esse cujo o trailer inicia o post - com estréia em março, nos Estados Unidos). nessa comédia, Paul Rudd está prestes a se casar com Rashida Jones, só que ele não tem nenhum amigo para ser o padrinho da cerimônia. então, para solucionar o problema, ele se vê enfrentando diversos "man-dates" (com os conselhos do seu irmão hétero-gay) até encontrar Jason Segel, criando uma amizade (sem segundas intenções!) que abala o relacionamento com sua noiva.

.independente de finais e sinopses (já que o desenrolar da trama ainda é desconhecida), pensei um pouco sobre essa questão de amizades. sei que grande parte acontece por afinidades. as circunstâncias variam muito, é verdade, mas o que sempre nos une é esse ponto em comum. e eu não fujo muito desse padrão...e de certa forma, é o que funciona muito bem.

.e por mais que eu tente uma "quebra", geralmente é incrível a dificuldade em ultrapassar barreiras. óbvio que a tarefa é árdua. em terreno desconhecido, onde nada é comum, reconhecível, um passo em falso é provável e talvez, já inibe a continuação. e jamais pensaria em adquirir hábitos, gírias, pensamentos de outros grupos (dos quais eu não concordo, claro) para uma tentativa de inclusão. fora isso tudo, existem também certas resistências minhas a alguns tipos (é, eu não sou o super simpático), mas não vou negar que já me surpreendi muito.

.será que estou com síndrome de agrada-a-todos?

.abraço.

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

::::O Auspicioso Recado da Telinha::::

Fonte: astromandir.com

.ok. estou viciado na novela das oito (ou melhor, nove).

.há muito tempo desisti de televisão, mas cai na bobeira de acompanhar o começo dessa nova obra da Glória Perez (responsável por outro dos meus vícios, O Clone) e não parei mais. e por esses dias, a mocinha, Maya, descobre que é uma manglik, amaldiçoada para o amor. para desfazer esse mal (e não levá-lo para o marido, causando discórdias, etc) é necessário casar-se com um objeto inanimado ou animal. e lá vai a pobrezinha viver seu enlace com uma bananeira (é verdade! rs). segundo Lu Dias, do Almanaque Carioca, outra saída é o casamento com outro manglik.

.daí, em meus devaneios, me perguntei: serei eu acometido por essa maldição? pois em meus últimos casos, sempre acontecia esse tipo de coisa, desavenças, brigas (e vamos dizer assim, muito sérias, visto que elas desencadeavam sempre o fim). ou será que eu sou mesmo implicante e birrento que causo tudo isso e procuro inventar desculpas?

.tenho impressão que certos indivíduos realmente nascem com "açúcar". naturalmente bem-vistos, benquistos, bem-relacionados. eles sabem causar polêmicas que não geram batalhas mortais de idéias. encontram relacionamentos leves, sérios, descomplicados. batem um bom papo com o amigo, o vizinho, o parente do parente, o desconhecido na fila do banco. (às vezes, acho injusto. ah, eu não sou um desses. quem dera. mas eu me esforço para conviver bem em sociedade).

.ah, essas reflexões televisivas...

.abraço.

domingo, 15 de fevereiro de 2009

::::Novidades No Campo De Batalha::::

Fonte: bemparana.com.br.

.ok. imagem é tudo.

.e se você não reconheceu, essa senhora que ilustra esse post é sim, nossa ministra da Casa Civil, Dilma Roussef.

.e por que a mudança? simples. poderia até ser somente vaidade. mas não é conveniente ingenuidade nessa etapa da vida, não?

.embora o PT não indique nenhum candidato, é desejo incessante do nosso presidente torná-la sua sucessora. dizem que ele incentivou a mudança de imagem. e já é notório a presença cada vez mais constante da "mãe do PAC" em eventos governamentais, principalmente inaugurações de obras. a oposição chia, reclama do uso da máquina para antecipar eleições. o governo defende alegando como normalidade essas "aparições."

.e isso esquenta os bastidores. PSDB, rachado entre José Serra e Aécio Neves, procura adiantar suas posições. ao PMDB, ofertam a vaga de vice de Dilma. afinal, a candidata cresce a cada pesquisa.

.tem até um post do Jorge Wakabara comentando a mudança no visual...

.é. a estratégia está bem adiantada....

::::Garden Girls em Dose Dupla:::

Fonte: filmefashion.com.br

.ok. com algum atraso, os dois episódios de Garden Girls ...

.abraço.

:::Relações Perigosas::::

Fonte: Jewel Samad/Agence France-Presse — Getty Images

.ok. mais uma envolvendo os Obama, particularmente a primeira-dama e Ikram Goldman, varejista de moda cuja influência sobre o guarda-roupa de Sra. Obama é questionada.

. Cathy Horyn em seu blog no site do New York Times discorre sobre o assunto. O ponto é que Ikram tem delimitado o acesso de marcas àquelas as quais vende, e possivelmente receberia benefícios (criando então um conflito de interesses). A autora questiona também o fato de quão melhor seria se os próprios designers atendessem diretamente sua compradora, ouvindo desejos, requisições, gostos.

.na minha opinião, acho ainda cedo para assumir tais presunções. ainda mais relevar o papel da primeira-dama nesse processo. Michelle Obama demonstrou vestir-se de forma inteligente, condizente com a situação de crise. apontou novos criadores. revelou que utiliza também fast fashion. e acho provável que durante essa estada na Casa Branca (que apenas começou) os termos dessa relação com moda ampliem-se cada vez mais.

.abraço.

::::Passando Pra Frente Tarefas Constrangedoras:::

Fonte: espacovital.files.wordpress.com

.ok. seus problemas olfativos com odores bucais alheios parece ter encontrado uma saída.

.o editorial da Gloria Kalil em seu site, Chic, indicou uma saída inteligente, anônima e bem amigável para harmonizar suas relações.

.é o site da Associação Brasileira de Estudos e Pesquisas dos Odores da Boca onde disponibiliza-se link para enviar um alerta ao portador de tal mal (sem mencionar remetente). nesse mesmo lugar ainda é possível obter mais informações sobre e profissionais indicados por todo o país.

.ah, como a internet é fonte inesgotável de soluções...

.abraço.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

::::Digite § Para Caçar:::

Fonte: Comunidade Pegação Com Bluetooth Sampa (orkut).


.ok. eu não sou muito ligado em tecnologia.

.mas passeando por uns blogs e depois, comunidades no orkut (para averiguar como funciona), conheci essa nova forma de "caça".

.é tudo muito simples. pessoas interessadas em sexo utilizam o bluetooth do celular para rastrear alvos próximos, trocar fotos, mensagens e combinar quem sabe algo a mais.

.para identificar possíveis contatos, utilizam o símbolo § antes do nick. e até combinam a senha-padrão que permite as trocas de informações (sequências fáceis como 0000 ou 1234).

.criatividade e tecnologia a serviço da putaria.

.será que existe algum símbolo para os corações solitários em busca de companhia além-sexo?

.abraço.


.obs. para saber mais, visite a comunidade.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

:::Quando O Descanso Só Cria Mais Problemas:::



Fonte: g-n-b.blogspot.com

.ok. até em sonhos, as coisas se complicam.

.lá estava eu em mais uma noite de descanso, quando começa o sonho real. sabe tudo aquilo que você deseja que aconteça e com a incrível sensação que é pra valer mesmo?

.pra resumir, vislumbrei o reencontro (casual e inesperado) com um ex-caso que, apesar de defunto há mais de ano, ainda alimenta certas possibilidades - remotas, dolorosas, inevitáveis.

.os resultados? apesar de esbarrarmos a toda hora no lugar, não paramos nem nos olhamos. sem uma palavra sequer. é, uma decepção, nem no faz de conta eu tive sorte.

.afinal, se os sonhos dizem, preveem coisas, que raio de mensagem é essa? (ok. eu sei que eu deveria deixar de arrastar corrente há muito tempo, mas fora isso, será que tem alguma lição?).

.abraço.

.obs. eu TENHO que desencalhar esse ano...ou não tenho certeza da sanidade para o ano que vem.

:::Madonna Seduzindo Jesus:::



.ok. tá meio atrasado, acho que quase todo mundo já viu.....

.mas enfim, só para constar, finalmente, o ensaio da W com Madonna e Jesus.....

.abraço.

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

::::Choque de Realidades::::

Fonte: 4.bp.blogspot.com

.ok. mais um post sobre Obama, afinal, nada mais propício após esse da primeira dama.....

.faltando poucos dias para completar o primeiro mês frente a Casa Branca, o presidente Obama enfrenta complicações para muitos dos seus planos e promessas.

.os assuntos doméstiscos sofrem as consequências da recessão. índices altos de desemprego, queda no consumo, alta inadimplência no setor imobiliário. apesar de determinar a extinção da prisão de Guantánamo, a ação é cercada por questões práticas. como deveriam proceder os julgamentos dos "combatentes inimigos"? quais países os receberiam (apesar da União Européia manifestar-se receptiva, a resolução não é unânime)?

.as relações internacionais andam a passos vagarosos e extremamente cautelosos. na questão israelo-palestina, apesar do cessar fogo, não chega-se a um ponto comum, pois há o temor de melindrar o país amigo (Israel). há muitos céticos sobre o prazo para retirada das tropas no Iraque. produção de energia atômica ainda complica a retomada de conversas com Irã. e embora o novo enfoque do combate (por abrigar muitos da rede terrorista Al Qaeda e da milícia Taleban) seja a fronteira entre Paquistão e Afeganistão, os resultados são atropelados pelos índices crescentes de violência, ataques atrapalhados por militares americanos e produção crescente de drogas em áreas afegãs.

.o pacote econômico, apesar de aprovado pelo senado, encontra-se com boa parte indefinida. não há resposta concreta sobre os créditos podres. existem controvérsias sobre seu caráter protecionista (com o Buy American, que determina que os produtos manufaturados utilizados em obras de infraestrutura sejam americanos ou de parceiros comerciais) e xenófobo (o Employ American determina que empresas beneficiadas pelo pacote deem preferência a cidadãos norte-americanos sobre mão de obra estrangeira qualificada).

.é. tudo fica mais complicado depois da posse.....

.abraço.

:::E A Tão Esperada Capa da Vogue América:::

Fonte: Annie Leibovitz/Vogue

.ok. enfim, vem ao conhecimento das massas a capa da edição de março da Vogue americana....

.depois da inspirada campanha e a vitória absoluta, a onda Obama ainda persiste...

.abraço.

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

:::Repensando Questionamentos Anteriores::::

Fonte: teclasap.com.br

.ok. estou vivendo dilemas.

.depois de deixar um emprego estável (visto que minha patroa somente me demitiria se a empresa acabasse) e decidir sair da cidade onde estava, parecia que tudo aconteceria de uma forma certa e condizente com as ações.

.porém, meu curto final de ano foi o suficiente para embolar todo o meio de campo.

.brigas com familiares, pessoas miando todos seus planos e você perdido entre todos os palpites que cada um que soube da notícia tenta oferecer.

.e para piorar, você acaba tomando atitudes drásticas que com o passar do tempo não tem resultado animadores....

.e agora, fica a dúvida, jogar tudo para alto (mesmo sem respaldo algum, de ninguém) ou segurar um pouco, ir com cautela?

.é. acabam os tormentos para o início de outros. é a vida.

.abraço.

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

:::Detonando Conversas e Relacionamentos::::

Fonte: betterworldtg.com

.ok. eu necessito apurar meu senso ao perigo.

.geralmente cada pessoa tem seu próprio assunto ou tema tabu. aquele que preferem evitar. não falam, não mencionam, somente preferem esquecer. é comum estabelecer isso para quem frequenta o círculo social. nem sempre existem justificativas.

.alguns sabem lidar bem com a sempre provável aparição, mais cedo ou mais tarde. exercitando o jogo de cintura, desviam, mudam de assunto ou então, com total honestidade, revelam o problema. e fim de papo. e começo de outro, espero.

.mas já tive um enorme problema, com a outra parte desse grupo. aqueles que veem o surgimento de uma conversa sobre o desgosto como um ataque pessoal. praticamente isso significa acionar uma bomba, com explosão instantânea.

.respeito o direito de cada um em ter seus próprios limites. mas nem sempre consigo controlar isso. principalmente naqueles momentos em que o sangue ferve e a cabeça não consegue racionar direito. e muitas vezes, nem é intencional. afinal, quando a vontade é atacar, é necessário sangue frio e articulação mental.

.e o que fazer então? evitar a pessoa? controlar a boca e somente conversar amenidades quando "a" pessoa estiver por perto? mas e se for alguém que você realmente gosta?

.complicado, né?

.abraço.

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

::::Quando Demanda e Oferta Altas Levam Somente Prejuízos:::

Fonte: ante-et-post.weblog.com.pt

.ok. estou pensando em desencontros.

.não é de hoje que ouço sobre estar sozinho e que a procura pela "outra metade" está bem complicada. eu me vejo entre esse grupo, para ser bem sincero.

.visitando os blogs, lendo comentários dos posts, é recorrente alguém discorrer sobre como é difícil essa busca.

.só que logo após essas falas, levando uma análise mais profunda, vem à minha cabeça: se tem tanta gente procurando, seria mais do que plausível encontros e casais. a lei da oferta e da procura talvez...

.sei que as coisas não são tão fáceis assim. mas pelo menos, a probabilidade de acertos teria que ser maior do que o número de pessoas-solitárias-em-busca-de-alguém.

.mas não é. e quem explica essa matemática humana?

.abraço.

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

:::Medindo Forças e Fragilidades::::

Fonte: journal.boblycat.org

.ok. estou começando a ficar cansado de bancar o forte toda hora.

.embora eu certamente não seja a pessoa mais forte ou resistente na face da Terra, é frequente entrar em conflito com situações onde me forço a exercer, interpretar esse papel.

.é dor aos extremos, porque você se põe a desafiar próprios limites, talvez ultrapassá-los, para não atingir ou ferir. ou em casos raros, para salvar algo, alguém.

.acontece com minha família, parentes, amigos. é recorrente com as pessoas com quem me relaciono.

.e um fator que complica ainda mais é a percepção de que isso faz parte da minha natureza. e combatê-la é tarefa árdua, contínua, exigente.

.muitas vezes quis simplesmente demonstrar fragilidade, ser o humano que sou. mas eu sempre penso. pois na pior das hipóteses, essa couraça de forte ainda é mais válida. e minhas perguntas também me levam a hesitar visto que não tenho certeza se há alguém para fazer o papel que numa situação normal cabe a mim.

.será masoquismo? insegurança? infelicidade? não sei. honestamente não tenho resposta. mas a procuro, junto com soluções.

.abraço.


terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

::::Qual O Seu Tempo?::::

Fonte: formula-andy.blogspot.com

.ok. eu prefiro rapidinhas.

.sexo para mim funciona dessa forma. não é coisa de coelho, tipo 5 minutos. mas eu sinceramente não gosto quando se prolonga por muito, muito tempo.

.não sei se é porque ainda não me deparei com um incrível amante ou se é gosto mesmo. eu já provei dos dois extremos. e por enquanto o resultado final aponta para vitória dos minutos sobre as horas.

.nessas prolongadas, começo a enjoar, cansar. certa vez era tanta troca de posições, papéis, que já estava de saco cheio e a única coisa que pensava era: quando acaba?

.é. complicado. cada um tem seu tempo, acho.

.e do que eu gosto mesmo? ah, eu prefiro duas de vinte (minutos!) - com um intervalo técnico entre - a uma (ou duas ou três...) de 40 minutos ou mais.

.e você?

.abraço.

domingo, 1 de fevereiro de 2009

:::Libertar Fantasmas Não Significa Finalizar O Tormento :::

Fonte: photobucket.com

.ok. eu tenho problemas de desapego.

.é estranho admitir isso, mas, estou sempre relembrando velhos relacionamentos. são algumas memórias, aqueles acontecimentos indescritíveis ou então, um momento tão simples e sublime que você realmente chegou a pensar como seria bom se isso durasse para sempre. e com aquela pessoa.

.embora alguns tenham passado por aqui e outros rolos vividos rapidamente, já não é de hoje que minha memória trabalha contra meu presente.

.se estou sozinho, a nostalgia e carência aumentam toda essa vontade de voltar ao tempo e descobrir onde está o ponto exato que levou tudo ao fim. se estou acompanhado, começo a questionar se tudo está funcionando bem, comparo. é uma estupidez eu sei.

.é recorrente imaginar como seria se de repente, em um encontro totalmente inesperado, esbarrar nessa pessoa novamente. como seria rever algo que ainda está tão vivo na memória? como enfrentar que talvez ele esteja a milhões de quilômetros de distância desse passado que você insiste em renovar e trazer para o presente? e principalmente, e se surgir a possibilidade de retomar?

.muito é dito sobre fantasmas que nos perseguem. recomendam em uma situação limite que devemos confrontá-los para que nos deixem em paz . mas o pior disso é que na tentativa de libertar fantasmas, nós simplesmente depararmos com uma verdade imensamente pior: que tudo isso é fruto da imaginação. e só.

.abraços.


:::A Temporada Está Apenas Começando:::



.elas estão de volta (finalmente!).

.elas são inteligentes, engraçadas, afiadas, antenadas, fashionistas....

.Garden Girls - 2° temporada!!!

.abraço.

.ps. e claro, visitem o site da Alexandra Farah.

.pps. se o vídeo acima não abrir, tente aqui.


:::O Incrível Retorno::::



.ok. e não é invejável uma estória de amor pop como essa?

. Kelly Clarkson está de volta e quebrando recordes.

.abraços.