quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

:::Sobre Sociedade, Sacramentos e Sexualidade::::

Fonte: agoodhusband.net

.ok. sexo vende. e muito.

.artigo do caderno Mundo da Folha de S.Paulo (disponível apenas para assinantes do jornal e UOL) apresenta uma das novas opções para cônjuges infiéis: o site The Ashley Madison Agency. lá é possível cadastrar seu perfil e procurar candidatos(as) a viver um affair. inúmeros visitantes. incontáveis os que protestam. o proprietário defende os serviços apontando como uma saída para preservação dos matrimônios.

.bom, tentando evitar julgamentos e condenações (bem complicado isso), o que eu me indago: até que ponto é válido buscar saídas para preservar uma união insatisfatória? (não duvido quão influente a sociedade ainda é sobre essas decisões).

.nunca me casei. nem pretendo. não sou família. talvez jamais serei. por isso, minha opinião englobe apenas uma vivência teórica, moralista, careta, hipócrita até (porque eu já estive no lado escuro da estória).

.minha intenção é não trair. mas meu medo é: será que estou a prova de tudo?

.abraço.

8 comentários:

outeabout disse...

Não acho que VOCÊ tenha que ser a prova disso, cara. Acho que a relação deve ser. Pra quem realmente quer algo a mais do que "fuck around" (e parece ser seu caso), o que determina a fidelidade é a relação (que é o todo) e não os que se relacionam (partes).
Abraço

Arsênico disse...

Complexo...

***

Serginho Tavares disse...

e quem vai trair não precisa dessas coisas não moço
quem trai pode trair em qualquer lugar e para isso basta querer

Sexyback disse...

Duh, eu tb sempre disse que não me casaria, que nunca fui de me prender a uma unica pessoa, mas o tempo passa, muita coisa muda. Hj estou casada, e pior de tudo, curtindo pra caramba!Agora quanto a manter uma situação que não lhe tras felicidade, cai fora, a vida é muito melhor do que isso, viver cada dia como se fosse o ultimo. Afinal a felicidade esta dentro de vc e não no espelho de outra pessoa.
Bjs

Leo disse...

Nossa... espinhoso isso!
Cara... em teoria eu acredito que não seja válido buscar saídas para manter uma união insatisfatória.
O problema é que nem sempre é insatisfatória.
O que leva a outro ponto: Porque trair se você tá feliz no relacionamento?
Pra essa tem muitas respostas e possibilidades.
Acho escroto que tenha alguém ganhando dinheiro com isso, mas acredito que funcione. Acho que por mais leviano que possa parecer! Hoje em dia estamos focados no casamento por amor. Mas acho que o casamento é um contrato social, muito mais complexo do que amar ou não amar. É uma união de duas famílias em nome de uma vida melhor e mais próspera. Amor é apenas uma das peças do jogo. E às vezes acho sim que é melhor não saber!

Enfim... acho que é por isso que eu tô sozinho! hahahaha
O que não significa que eu seja um cheating bastard! hehehe Sou caretão!

Andre Dametto disse...

Eu quero casar para experimentar, mesmo que ache que nao seja um homem pra viver preso a alguem. Traicao eh uma palavra feia e religiosa para algo que é inerente ao ser humano: diversidade. Taque a primeira biblia quem nunca traiu ou foi traido. Lembrem-se que a alma é imoral... bjs, André

Gay Alpha disse...

simples. traição não existe. alguém inventou essa besteira e a maioria acreditou... hehe!!! obrigado pelo seu comment e grande fds pra vc! abraços!

ThAmMyReS disse...

acho que a traição só acontece quando falta algo no relacionamento, e muita gente hoje em dia acha normal trair mais ser traida é muito ruim...
bjos
:)