terça-feira, 23 de junho de 2009

::::Padrões De Elasticidade:::::

Fonte: insiderkeys.wordpress.com

.ok. como é difícil fugir de certos padrões.

.uma das minhas últimas manias é baixar audiobooks e ouví-los enquanto malho. geralmente, faço escolhas das quais não são realmente muito necessárias refletir muito, visto que ao mesmo tempo que o autor tenta dizer algo, você tem que manter certa atenção nos pesos. um desses títulos é o mais do que batido "Homens são de Marte, Mulheres são de Vênus" (John Gray). apesar de reconhecê-lo, nunca o li, nem sabia ao certo o que tratava.

.enfim, uma das teorias que o autor prega é a do elástico. homens tendem a se aproximar e por algumas razões específicas afastam-se (com medo de intimidade, para resolver seus problemas, para lidar melhor com os problemas da outra pessoa e assim vai) e depois do tempo de processamento de informações, acabam voltando.

.eu já atuei nos dois lados. e em nenhum deles a situação é confortável. se você precisa de espaço, é complicado explicar sem nenhum dano (para ambos). se você quem concede, é inevitável questionar o que há de errado (se há) ou como lidar com isso tudo (principalmente com a volta depois de passado o "tempo").

.existe um lado certo? padrões existem para melhorar, confundir, questionar ou fugir? tudo isso é uma desculpa bem bolada ou faz sentido? será que chega o momento onde o padrão fica para trás e assume-se uma nova atitude? nossas semelhanças nos condenam ou indicam o caminho para libertação?

.abraço.

4 comentários:

Arsênico disse...

ai... peraí que minha cabeça tá rodando...

...hahaha!!!

***

umBeijo!

Felix disse...

Pra mim o pior lado pra se ficar é o que espera a outra pessoa tomar uma decisão. Porque a gente tem esse lado egoísta que se manifesta sem a gente querer e ai quando eu percebo eu to cobrando pra saber qual caminho eu tomo diante a situação, querendo que a pessoa tome uma decisão pra eu poder tomar a minha.

Dimas disse...

Elástico? Ai, não consigo gostar desses livros. Que nem "o Segredo"... Se mais alguém vier me falar que entende de física quântica e começar a falar em pensamento positivo e átomos, eu juro que mato.rs

Klero disse...

para mim, uma palavra explica tudo mais simples: equilíbrio. é a melhor aposta.

(e gostei da ideia dos audiobooks na academia!)